Poluição: pontas de cigarros superam o plástico!

Ameça real ao futuro do planeta.

O cigarro não é apenas prejudicial ao corpo humano, mas também se tornou uma ameaça real ao futuro do planeta, colocando em perigo os oceanos. Segundo a Ocean Conservancy, nos últimos 32 anos, foram encontrados cerca de 60 milhões de pontas de cigarro (beatas) nos mares.

A ideia que as pessoas têm é que o plástico é a principal causa da poluição nos mares, mas na prática este já foi ultrapassado pelos cigarros. Atualmente, as pontas de cigarro (filtros) representam cerca de um terço entre todas as coisas que poluem os oceanos.

Vários estudos indicam que os resíduos de cigarros são encontrados em 70% das aves e em 30% de tartarugas marinhas. O plástico é definitivamente um grande vilão no que toca a poluição, mas o cigarro ainda consegue fazer um estrago maior.

No mundo são produzidos cerca de 5,5 trilhões de cigarros por ano. A maioria deles tem o filtro de acetato de celulose que, segundo referem os especialistas, leva 10 anos para se decompor na natureza.