Liga Nacional de surf 2019 apresentada esta semana

Circuito percorre norte a sul de Portugal.  

Cinco etapas e o regresso a uma localização antiga são as principais novidades para este ano.

​Foi apresentada esta quarta-feira, 20 de fevereiro, a Liga Nacional de Surf 2019, aquela que define os títulos máximos de campeões nacionais e que, esta temporada, coloca em jogo um prémio total de cem mil euros.

​A sustentabilidade volta a ser uma das bandeiras da Associação Nacional de Surfistas para 2019, mas foi a notícia do regresso ao Algarve que marcou a conferência de imprensa de apresentação, mostrando assim que o circuito nacional de surf volta a ter o seu espectro de cobertura desportiva de norte a sul do país.

​“Renovar o título nacional é um objetivo e seria incrível se o conseguisse fazer. A Liga MEO Surf tem um excelente nível de surf e é bastante competitiva. Vou dar o meu máximo em todas as etapas e tentar terminar o ano no melhor lugar possível”, disse Miguel Blanco, campeão nacional em título que se mostrou agradado com o regresso à Praia do Amado.

​A primeira de 5 etapas acontece já no início de março:

1.ªetapa: 1 a 3 de março – Allianz Ericeira Pro
2.ªetapa: 29 a 31 de março – Allianz Figueira Pro
3.ªetapa: 17 a 19 de maio – Renault Porto Pro
4.ªetapa: 21 a 23 de junho – Allianz Algarve Pro
5.ªetapa:3 a 5 de outubro – Bom Petisco Cascais Pro

Em 2018 foram quatro os atletas da Associação Sealand Santa Cruz que estiveram representados nesta importante competição nacional: Francisco Santos, Robertson Gonçalves, Tiago Santos eFrancisco Cruz.

Entre eles, Tiago Santos (na foto em baixo) foi o que acabou por arrecadar a melhor posição no ranking final, obtendo um generoso 30.º lugar após cinco etapas disputadas.